PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Canadá leva litígio com EUA por madeira de construção à OMC

28/11/2017 17h51

Ottawa, 28 Nov 2017 (AFP) - O Canadá levou à Organização Mundial de Comércio (OMC) sua disputa com os Estados Unidos pelas tarifas que Washington impôs à sua madeira de construção.

Ottawa anunciou, nesta terça-feira (28), ter consultado formalmente a OMC sobre as medidas americanas, que considera "injustas, injustificadas e profundamente perturbadoras".

A madeira canadense de construção está no centro de disputas comerciais com os Estados Unidos há mais de três décadas

Neste ano, Washington impôs taxas de importação de entre 3,34% e 18,19% após concluir que seu vizinho a subsidia indevidamente para poder exportar aos Estados Unidos.

Em 2016, os EUA importaram 5,7 bilhões de dólares de madeira de construção canadense. No ano anterior, foram 4,5 bilhões de dólares.

O Canadá tentou resolver o litígio diversas vezes por meio dos mecanismos do Tratado de Livre-Comércio da América do Norte (Nafta), que tem com Estados Unidos e México.

Pelas regras do Nafta, o Canadá já ganhou quatro disputas desde 1982. Mas o futuro do tratado é incerto, já que está sendo renegociado em meio a ameaças recorrentes dos EUA de abandoná-lo.

O presidente americano, Donald Trump, quer justamente eliminar o mecanismo de solução de controvérsias do Nafta, mas o Canadá se opõe radicalmente a isso.

Internacional