França e EUA não vão tolerar impunidade sobre uso de armas químicas na Síria

Paris, 2 Mar 2018 (AFP) - "França e Estados Unidos não tolerarão a impunidade" no caso de uso comprovado de armas químicas na Síria, afirmou a presidência francesa em um comunicado divulgado após uma conversa por telefone entre os presidentes Emmanuel Macron e Donald Trump.

Durante a conversa com Trump, Macron "enfatizou que vai existir uma resposta firme, caso seja comprovado o uso de armas químicas que provoquem a morte de civis, em coordenação com nossos aliados americanos", afirmou a presidência francesa.

Ambos "exigiram" ainda "a aplicação imediata da resolução 2401 votada por unanimidade pelo Conselho de Segurança das Nações Unidas".

Na semana passada, o Conselho de Segurança da ONU adotou por unanimidade uma resolução que exige um cessar-fogo humanitário "imediato" de um mês na Síria, mas as tropas sírias e russas continuaram bombardeando o enclave rebelde de Ghuta Oriental na quinta-feira.

Diante dessa situação, Macron e Trump "destacaram a necessidade de que a Rússia exerça de maneira inequívoca a máxima pressão sobre o regime de Damasco, para que este expresse claramente seu compromisso de respeitar a resolução do Conselho de Segurança".

Os presidentes francês e americano afirmaram também que "vão trabalhar juntos para a aplicação da resolução 2401 para que haja um cessar das hostilidades, se encaminhe ajuda humanitária e se retire doentes e feridos".

Apoiado militarmente pela Rússia, desde 2015 o governo sírio tenta recuperar o território rebelde, área de lançamento de obuses contra Damasco.

Segundo o Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH), 613 civis, entre eles 150 crianças, morreram pelos bombardeios do regime, que também provocaram grandes danos materiais. Cerca de 400 mil pessoas moram nessa área.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos