Bombardeio israelense sobre Gaza após disparos de morteiro contra Israel

Gaza, Territórios palestinos, 29 Mai 2018 (AFP) - O exército israelense bombardeou nesta terça-feira infraestruturas do Hamas e da Jihad Islâmica na Faixa de Gaza, horas depois dos disparos de quase 30 morteiros a partir do território palestino contra Israel, afirmou o Hamas.

Ao menos três infraestruturas do movimento islamita que governa o território palestino bloqueado foram atingidas, de acordo com testemunhas.

O exército israelense informou no Twitter: "Nossa forças operam atualmente na Faixa de Gaza. As explosões que foram ouvidas são o resultado isto. Mais detalhes serão anunciados".

Este foi o maior ataque com morteiros desde a guerra de 2014 entre Israel e Hamas, segundo o serviço de segurança interna Shin Bet.

Um porta-voz do Hamas confirmou apenas que foram atingias infraestruturas de "resistência" pelo bombardeio israelense.

Não foram divulgadas informações sobre possíveis vítimas.

Um dos morteiros explodiu perto de um jardim de infância e provocou danos materiais.

Nenhum grupo reivindicou até o momento os disparos de morteiros, mas a imprensa israelense afirma que o ataque teria sido executada pela Jihad Islâmica.

Israel considera o Hamas responsável por qualquer ataque a partir de Gaza, pois controla o território palestino desde 2007.

az-jjm/jod/mjs/feb/nbz/ra/zm/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos