PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Ministro saudita chama assassinato de Khashoggi de "abominável"

23/10/2018 06h11

Riad, Arábia Saudita, 23 Out 2018 (AFP) - A Arábia Saudita enfrenta uma "crise" em consequência do assassinato "abominável" do jornalista Jamal Khashoggi, afirmou nesta terça-feira o ministro da Energia do país, Khalid Al Falih.

"São dias difíceis, atravessamos uma crise", declarou Falih no fórum internacional de investimentos inaugurado nesta terça-feira na capital saudita.

mah-ac/ras/tp/erl/pc/fp

Internacional