PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Pressão de Trump sobre sócios da Otan surte efeito, diz diretor

27/01/2019 18h27

Washington, 27 Jan 2019 (AFP) - O pedido de Donald Trump a outros Estados-membros da Otan para aumentar seu gasto militar funcionou, disse neste domingo (27) o secretário-geral da aliança atlântica, Jens Stoltenberg.

"Para o fim do próximo ano, os aliados da Otan terão adicionado" cerca de "100 bilhões de dólares para a Defesa", disse Stoltenberg à Fox News Channel.

"Então, vemos dinheiro de verdade e resultados de verdade. E vemos que a mensagem clara do presidente Trump está tendo um impacto", indicou.

"Os aliados da Otan ouviram o presidente ser claro e estão se alinhando. Então, são boas notícias, significa que o fardo está sendo compartilhado de forma mais justa". acrescentou Stoltenberg.

Trump pediu diversas vezes para os sócios da Otan aumentarem seus gastos militares, e inclusive insinuou uma eventual saída dos Estados Unidos se isso não acontecer.

Dias antes, Trump reiterou sua posição de que os aliados se aproveitam há décadas do guarda-chuva da segurança americana e que sua tarefa era pôr fim a essa situação.

"Não podemos ser considerados tolos", declarou Trump em um discurso no Pentágono.

O presidente republicano celebrou no Twitter o pronunciamento do diretor da Otan. "Jens Stoltenberg, o secretário-geral da Otan, acaba de dizer que graças a mim a Otan pode obter muito mais dinheiro de seus membros que nunca, após anos de queda", afirmou.

bur-AB/tu/mls/yow/ll

Internacional