PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Kim Jong Un chega sorridente a Hanói antes de sua reunião com Trump

26/02/2019 11h23

Dong Dang, Vietnã, 26 Fev 2019 (AFP) - O líder norte-coreano Kim Jong Un, sorridente e jovial, chegou ao Vietnã nesta terça-feira depois de uma longa viagem de trem pela China, e foi recebido em tapete vermelho na estação Dong Dang, onde crianças com bandeiras e uma guarda de honra o aguardavam com uniformes de um branco impoluto.

Kim, vestido com seu tradicional terno escuro e gola Mao, desceu de seu trem blindado sorridente, saudando as pessoas e cercado por colaboradores e seguranças.

Ao sair da estação de trem de Dong Dang, localidade na fronteira vietnamita com a China, Kim Jong Un foi saudado por uma fanfarra militar.

Jornalistas esperaram por ele a noite toda sob uma chuva fria.

Quando ele desceu do trem e se dirigiu aos representantes vietnamitas, seu intérprete foi forçado a correr atrás dele para traduzir as palavras de boas-vindas.

O terceiro Kim no poder na Coreia do Norte consecutivo embarcou em um Mercedez-Benz e acenou da janela do carro e até parou para ver um grupo de crianças em uniformes escolares acenando, sorrindo e agitando as bandeiras norte-coreana e vietnamita.

Enquanto o carro do líder norte-coreano deixava a estação para ir a Hanói, onde o líder se reunirá com o presidente americano Donald Trump, doze guarda-costas correram ao lado do comboio para depois entrar em outros carros.

Quase 20 carros viajaram 170 km de Dong Dang para Hanói, escoltados por motocicletas policiais e veículos de segurança.

Em Hanói, os habitantes que compareceram à chegada do comboio saudaram o líder norte-coreano, que ficará em um hotel moderno no centro da capital.

- Foi tudo tão rápido -A chegada de Kim na pequena estação de Dong Dang alterou completamente a rotina da cidade fronteiriça. Hoang Thi Thuy, chefe do Sindicato de Mulheres Dong Dang, explicou que esperou na chuva desde o amanhecer pela chance de ver o líder norte-coreano.

"Ficamos tão felizes que nos disseram para esperar a chegada do trem", disse ela à AFP.

"Nós vimos o líder de longe. Estava tão contente, é difícil descrever", acrescentou.

Nong Thi Ghi, 33 anos, que trabalha no colégio local Cao Loc, disse que o tempo que Kim Jong Un andou pelo tapete vermelho foi o mais memorável.

"Quando o carro partiu, eu me senti. Tudo aconteceu tão rápido", lamentou.

A irmã do líder norte-coreano Kim Yo Jong faz parte da delegação.

O líder do gabinete do líder, Kim Chang Son, apelidado de "o mordomo", também foi visto na estação.

Esta é a primeira viagem de Kim Jong Un ao Vietnã, um país com regime de partido único.

É também a primeira vez que um líder norte-coreano viaja para esta nação desde a visita de 1964 de seu avô Kim Il Sung, um aliado próximo do líder revolucionário vietnamita Ho Chi Minh.

Para os observadores, o líder norte-coreano queria enviar uma mensagem ao viajar de trem: mostrar que ele segue os passos de seu avô, a quem ele às vezes copia em suas maneiras e até suas mensagens.

"É uma mensagem forte para os norte-coreanos, que Kim Jong Un herdou as qualidades de seu avô, que a dinastia Kim está mais forte do que nunca", explica Koh Yu-hwan, professor da Universidade Dongguk, em Seul.

Kim visitará no Vietnã duas províncias de um país que observa seu modelo econômico e citado como exemplo por Washington por sua recuperação econômica após a guerra.

bur-jv/ev/sde/phv/pa/age/cn

MELIA HOTELS INTERNATIONAL SA

Internacional