PUBLICIDADE
Topo

França tem 588 mortos em hospitais por covid-19 em 24h, um recorde no país

Diante da Torre Eiffel, França tem ruas vazias durante pandemia de coronavírus - Marc Piasecki/Getty Images
Diante da Torre Eiffel, França tem ruas vazias durante pandemia de coronavírus Imagem: Marc Piasecki/Getty Images

em Paris (França)

03/04/2020 16h31

A França registrou 588 mortes por coronavírus nas últimas 24 horas em hospitais, um recorde desde o início da epidemia, que eleva o balanço para 5.091 mortes em centros de saúde, segundo dados oficiais divulgados hoje.

A eles, se somam 1.416 idosos que morreram em casas de repouso desde o início da epidemia, segundo uma contagem atualizada, que aumenta o número total de vítimas para 6.507.

Os números dos lares de idosos, que começaram a ser divulgados ontem, ainda são parciais, alertou o diretor-geral de Saúde, Jérôme Salomon, em sua entrevista coletiva diária.

No total, há 27.432 hospitalizados na França (+1.186 em 24 horas), dos quais 6.399 em reanimação, ou seja, 263 a mais por dia, um número em alta, mas cujo ritmo vem diminuindo desde segunda-feira.

"A necessidade permanente de encontrar novos leitos [de reanimação] aumenta, mas com menos velocidade", disse Salomon.

No total, 64.338 casos de coronavírus foram confirmados na França, país com uma política muito restritiva em relação ao número de exames realizados, principalmente devido à falta de insumos.

Para conter a epidemia, a França impôs uma quarentena nacional em 17 de março, que deve durar pelo menos até 15 de abril.

O coronavírus confinou metade da humanidade e os infectados já excederam um milhão de casos e 54.000 mortos.

Coronavírus