PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
1 mês

Zelensky afirma que sua participação na cúpula do G20 depende da lista de convidados

Presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky em pronunciamento durante o festival Glastonbury - REUTERS/Dylan Martinez
Presidente da Ucrânia Volodymyr Zelensky em pronunciamento durante o festival Glastonbury Imagem: REUTERS/Dylan Martinez

29/06/2022 14h00

O presidente ucraniano Volodimir Zelensky afirmou nesta quarta-feira (29) que sua participação na cúpula do G20 em novembro na Indonésia dependerá de quem estiver na lista de convidados.

Zelensky, que lidera a resistência de seu país à invasão russa, não fez nenhuma menção ao presidente russo Vladimir Putin, cuja presença no evento que acontecerá na ilha de Bali é alvo de árduas negociações diplomáticas.

"É claro que aceito o convite", disse Zelensky ao presidente indonésio Joko Widodo, de visita a Kiev.

Mas "a participação da Ucrânia dependerá da situação de segurança na Ucrânia e da composição dos participantes na cúpula", acrescentou.

O primeiro-ministro italiano Mario Draghi afirmou na terça-feira que Widodo excluiu Putin da lista de convidados, mas o Kremlin negou e disse que o presidente russo estaria no encontro das principais potências industrializadas e emergentes.

O primeiro-ministro britânico Boris Johnson pediu nesta quarta-feira para não boicotar a cúpula, mesmo que Putin participe. No entanto, "me surpreenderia absolutamente se Putin for pessoalmente. É uma figura pária", disse Johnson aos jornalistas à margem de uma cúpula da Otan em Madri.

Internacional