Topo

Bolsonaro volta a sinalizar que pode tentar a reeleição em 2022

Andre Coelho/Folhapress
O Presidente Jair Bolsonaro (PSL) Imagem: Andre Coelho/Folhapress

Fabrício de Castro

Brasília

2019-06-22T20:26:00

22/06/2019 20h26

O presidente Jair Bolsonaro voltou a abordar hoje a possibilidade de tentar a reeleição em 2022. Ele lembrou que, durante a campanha presidencial, havia afirmado que, "(com) uma boa reforma política, aceitaria acabar com essa política de reeleição".

No entanto, na sequência, Bolsonaro deu a entender que, caso a reforma não ocorra, pode sair candidato. "Aí, 2022, se estiver bem, ou razoavelmente bem... Do contrário, estou fora", acrescentou o presidente, completando: "Não existe bom governo com uma má economia."

Na quinta-feira passada (20), Bolsonaro já havia admitido pela primeira vez a possibilidade de disputar um novo mandato em 2022, contrariando seu discurso de campanha, quando defendeu o fim da reeleição. Na ocasião, após participar da Marcha para Jesus, evento evangélico realizado na zona norte da capital paulista, ele afirmou: "Se não tiver uma boa reforma política e, se o povo quiser, estamos aí para continuar mais quatro anos".

Também na quinta, durante agenda em Eldorado, no interior de São Paulo, Bolsonaro já havia indicado a intenção de concorrer novamente ao Palácio do Planalto. "Meu muito obrigado a quem votou e a quem não votou em mim. Lá na frente, todos votarão, tenho certeza", afirmou, na ocasião, a moradores da cidade onde foi criado.

Bolsonaro falou neste sábado a jornalistas, na saída da Coordenadoria de Saúde do Palácio do Planalto, em Brasília. No local, ele fez exames de rotina.

As informações são do jornal "Estado de S. Paulo".

Mais Política