PUBLICIDADE
Topo

Conteúdo publicado há
6 meses
Salles tem qualidade, mas Weintraub "brinca com futuro de crianças", diz Maia

Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, durante evento da revista Piauí em São Paulo - Aloisio Mauricio /Fotoarena/Folhapress
Presidente da Câmara, Rodrigo Maia, durante evento da revista Piauí em São Paulo Imagem: Aloisio Mauricio /Fotoarena/Folhapress

André Ítalo Rocha e Bárbara Nascimento

São Paulo

30/01/2020 11h16

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que criticou hoje (29) os ministros da Meio Ambiente e da Educação, Ricardo Salles e Abraham Weintraub, respectivamente, quis deixar claro nesta Quinta-feira (30) em conversa com jornalistas, que vê diferenças na percepção que tem dos dois.

"Quanto ao Salles, eu acredito que ele radicalizou no ano passado, mas é um ministro que tem qualidade. Já o ministro da Educação atrapalha o Brasil, tem visão ideológica e brinca com o futuro de milhões de crianças", disse o parlamentar.

Maia evitou responder se defende ou não a demissão dos ministros, ao dizer que essa é uma decisão que cabe ao presidente Jair Bolsonaro. Reiterou, em seguida, que tem uma boa relação com o Executivo no que se refere à agenda econômica.

O presidente da Câmara também não quis comentar a decisão de Bolsonaro de tirar o Programa de Parcerias e Investimentos (PPI) da Casa Civil e levar para o Ministério da Economia. "Não cabe ao Parlamento fazer críticas (a algo do Executivo)", disse.

Cotidiano