Itália emite 'alerta vermelho' por altas temperaturas

ROMA, 23 JUN (ANSA) - O Ministério da Saúde da Itália emitiu nesta sexta-feira (23) um "alerta vermelho" para 10 cidades do país por conta das altíssimas temperaturas previstas para o fim de semana. Para amanhã (24), a medida vale para Bolonha, Bolzano, Brescia, Perugia e Turim e no domingo (25) a classificação atinge novamente Perugia e as cidades de Campobasso, Ancona, Pescara e Florença. Todas elas se juntam a Bolzano, que entrou em "alerta vermelho" já nesta sexta.   

Para as regiões, estão previstos picos de temperatura acima dos 40º Celsius.   

De acordo com o Ministério, o nível mais alto na classificação significa "condições de emergência com possíveis efeitos negativos sobre a saúde de pessoas sãs e ativas e não apenas em grupos de risco, como idosos, crianças muito novas e as pessoas que sofrem de doenças crônicas".   

A entidade recomenda que as pessoas evitem áreas com muita poluição urbana, não façam atividades físicas desgastantes ao ar livre e se alimentam com comidas leves, sempre bebendo bastante líquidos.   

As duas últimas semanas foram as mais quentes do ano no país e, somado à crise hídrica que atinge diversas regiões italianas, colocam as autoridades em alerta máximo. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos