Adesivos mostram Salvini pendurado pela cabeça

PAVIA, 28 ABR (ANSA) - Adesivos que retratam a cabeça do líder ultranacionalista italiano Matteo Salvini (Liga) pendurada por uma corda apareceram em diversos muros e postes da cidade de Pavia, na Lombardia, a 40 quilômetros de Milão.   

Os adesivos também incluem o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, e os presidentes dos Estados Unidos, Donald Trump, e da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, sobre a frase "Make fascists swing again" ("Vamos fazer fascistas balançarem de novo", em tradução livre).   

A escrita faz referência ao lema de Trump ("Make America great again") e, de forma indireta ou não, à exposição pública do corpo do ditador fascista Benito Mussolini, pendurado de cabeça para baixo em Milão após sua morte.   

"Salvini de cabeça para baixo nas ruas de Pavia. Idiotas e velhacos, vocês não me metem medo. Eu sigo em frente. Italianos em primeiro lugar", escreveu o secretário da Liga e líder da coalizão de direita, a mais votada nas eleições de 4 de março.   

Um dia antes do pleito legislativo, algumas casas em Pavia haviam sido marcadas com um adesivo com a frase "aqui mora um antifascista", em uma tentativa de intimidar militantes de esquerda.   

Salvini é cotado para ser o próximo primeiro-ministro da Itália e ganhou notoriedade com suas posições contra a migração em massa, a União Europeia e o Islã. (ANSA)
Veja mais notícias, fotos e vídeos em www.ansabrasil.com.br.


Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos