PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Conteúdo publicado há
2 meses

Talibã diz controlar 90% das fronteiras no Afeganistão

Um comboio das Forças Especiais Afegãs é visto durante a missão de resgate de um policial sitiado em um posto de controle cercado pelo Talibã, na província de Kandahar, Afeganistão. - REUTERS/Danish Siddiqui
Um comboio das Forças Especiais Afegãs é visto durante a missão de resgate de um policial sitiado em um posto de controle cercado pelo Talibã, na província de Kandahar, Afeganistão. Imagem: REUTERS/Danish Siddiqui

22/07/2021 15h56

O grupo fundamentalista Talibã afirmou, nesta quinta-feira (22), que está no controle de 90% das fronteiras do Afeganistão, segundo a imprensa russa, citando declarações de um representante dos rebeldes.

As alegações, no entanto, não puderam ser verificadas de forma independente. "As fronteiras do Afeganistão com Tajiquistão, Uzbequistão, Turcomenistão, Irã, aproximadamente 90% das fronteiras estão sob nosso controle", disse Zabiulla Mudjakhed à agência estatal Ria Novosti.

O Talibã acelerou as operações militares contra as forças do governo para recuperar terreno, no momento em que as tropas internacionais finalizam a retirada do país, depois de 20 anos de presença.

A grande campanha ofensiva acontece desde o início de maio, quando os Estados Unidos anunciaram a retirada de seus militares de forma definitiva, assim como os aliados da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), do território.

Desde então, o grupo tem ampliado seus ataques nas áreas de fronteira - além do Paquistão, Tajiquistão, Turcomenistão e Irã.

Recentemente, o Talibã já havia informado que controlava 85% do território nacional, mas a declaração foi contestada pelo governo e não pôde ser comprovada.

Ontem (21), Mark Milley, presidente do Estado-Maior Conjunto dos Estados Unidos, chegou a dizer que os talibãs parecem contar com um "impulso estratégico" em suas amplas ofensivas no Afeganistão, mas a vitória está longe de ser certa. (ANSA)

Internacional