A angústia de um pai que resume o desespero da população em Aleppo

A reportagem da BBC flagrou o desespero de um pai que perdeu seu filho na Guerra da Síria.

Mohamed abre o plástico preto que envolve o corpo do filho, Hassam, e chora gritando o nome dele, como se o estivesse chamando.

Hassam foi uma das milhares de vítimas dos confrontos sangrentos em Aleppo, no norte da Síria.

Desde 2012, a cidade é palco de violentos combates entre forças do governo, apoiadas pela Força Aérea da Rússia, e grupos rebeldes.

A família havia se mudado para lá cinco anos atrás.

Aleppo é a maior cidade do país - a população oficial antes da guerra era de 2,1 milhão de pessoas.

Desde a guerra, mais de 30 mil pessoas já morreram na cidade.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos