Colégios eleitorais abrem na Moldávia para pleito presidencial

Moscou, 30 out (EFE).- Os colégios eleitorais para o pleito presidencial na Moldávia abriram neste domingo suas portas às 7h (horário local, 3h em Brasília) e permanecerão abertos até as 21h (17h), informou a Comissão Eleitoral Central (CEC) dessa antiga república soviética.

As eleições de hoje são as primeiras presidenciais diretas realizadas na Moldávia desde 1996, pois em virtude de uma emenda constitucional, já derrogada, a partir desse ano e até agora a eleição do chefe do Estado era prerrogativa do Parlamento.

Nove candidatos competem no pleito mas, segundo todas as pesquisas, só dois, o socialista Igor Dodon e a opositora liberal Maia Sandu, têm possibilidades reais de vencer.

O pleito não acontece na região separatista da Transnístria, por isso que a CEC habilitou colégios eleitorais junto a seus limites para que os cidadãos residentes nela possam exercer seu direito a voto.

A legislação eleitoral moldávia afirma que as eleições são válidas se nelas participa mais de um terço do censo eleitoral, avaliado em torno de 3 milhões de cidadãos.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos