Ligação entre Trump e Tsai tinha sido combinada antes, diz Taiwan

  • Chiang Ying-ying/AP

    A presidente de Taiwan,Tsai Ing-wen, em evento em Taipé

    A presidente de Taiwan,Tsai Ing-wen, em evento em Taipé

A presidente de Taisam, Tsai Ing-wen, ligou na sexta-feira ao presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, com base em um "acordo preestabelecido" entre ambos, afirmou neste sábado o porta-voz da presidência taiuanesa, Alex Huang, em entrevista coletiva .

Huang ressaltou que Taiwan dá a mesma importância a seus laços com Pequim e com Washington, depois que o governo chinês destacou como um "pequeno truque" o telefonema de Tsai.

Em Taiwan, o contato entre Trump e Tsai é considerado um sucesso político para a presidente, em um momento no qual ela enfrenta uma queda de popularidade e pressões de Pequim por sua recusa em reconhecer que o território é parte da China.
 

A China considera a autônoma Taiwan como parte de seu próprio território à espera de reunificação, quando ficaria subordinada a Pequim, e qualquer iniciativa americana que possa indicar apoio à independência representaria uma grande ofensa.
 
Washington cortou relações diplomáticas com a ilha em 1979 e reconhece Pequim como o único governo da "China Única", embora extraoficialmente mantenha laços amigáveis com Taipé.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos