Primeiro-ministro do Japão expressa condolências pelos mortos em Pearl Harbor

Washington, 27 dez (EFE).- O primeiro-ministro do Japão, Shinzo Abe, expressou condolências pelos militares norte-americanos mortos durante o ataque do país a Pearl Harbor, no Havaí, durante a Segunda Guerra Mundial, em uma visita à base naval acompanhado do presidente dos Estados Unidos, Barack Obama.

"Como primeiro-ministro japonês, expresso minhas sinceras e eternas condolências às almas daqueles que morreram aqui, assim como aos espíritos dos valentes homens e mulheres cujas vidas foram tomadas em uma guerra que começou neste lugar, como também às almas dos incontáveis inocentes que se transformam em vítimas da guerra", afirmou Abe em discurso.

Os dois líderes visitaram o Memorial USS Arizona, o monumento erguido na baía da base naval em homenagem aos mais de 2.400 fuzileiros navais e marinheiros mortos no ataque realizado em 7 de dezembro de 1941 pelo Japão e que marcou a entrada, no dia seguinte, dos Estados Unidos na Segunda Guerra Mundial.

Durante a visita, Abe fez uma oferenda floral às vítimas. "Depositei flores em nome do povo japonês sobre as águas nas quais dormem os marinheiros e fuzileiros navais. Descansem em paz", disse.

"Ouvindo e focando meus sentidos através da brisa e das ondas, posso quase discernir as vozes desses tripulantes. Ao contemplar essa solene realidade, fique completamente sem palavras", completou o primeiro-ministro do Japão.

Ao lado de Obama, Abe afirmou que os "horrores da guerra" nunca devem ser repetidos.

A visita de Abe a Pearl Harbor ocorre depois de Obama ter viajado em maio a Hiroshima, cidade que foi alvo de um dos dois ataques atômicos dos EUA na Segunda Guerra e que forçaram a rendição do Japão. Assim como o presidente norte-americano, o primeiro-ministro não pediu desculpas pelo ataque.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos