Irã convoca embaixador turco em protesto por recente críticas

Teerã, 20 fev (EFE).- O Ministério das Relações Exteriores iraniano convocou nesta segunda-feira o embaixador turco em Teerã em protesto pelas recentes críticas ao Irã feitas pelo presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, e o chefe da diplomacia, Mevlut Cavusoglu.

O vice-ministro iraniano para Assuntos da Ásia, Ebrahim Rahimpur, entregou uma carta oficial de protesto ao embaixador turco, Reza Hakan Tekin, segundo um comunicado do Ministério das Relações Exteriores.

Erdogan acusou o Irã, durante uma recente visita ao Bahrein, de querer desestabilizar o Iraque e a Síria, enquanto Cavusoglu disse ontem na Conferência de Segurança de Munique que Teerã mantém uma "política sectária".

O porta-voz iraniana das Relações Exteriores, Bahram Qasemi, respondeu hoje, se referindo à Turquia, que "os países que apoiam grupos terroristas e aumentam as tensões e a instabilidade na região não podem falar de responsabilidades culpando a outros".

"Aqueles que desejam retornar a seu antigo império e tomar medidas intervencionistas e ilegítimas causam derramamento de sangue na região", acrescentou Qasemi.

O Irã respalda o regime sírio de Bashar al-Assad, de confissão alauita, uma ramo do xiismo, enquanto a Turquia ajuda os grupos armados opositores sunitas.

No Iraque, Teerã presta, além disso, apoio ao governo de Haider al Abadi, a pedido deste, enquanto Ancara enviou tropas ao norte do país sem contar com a aprovação de Bagdá.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos