Em reunião com Kuczynski, Trump diz que tem "grande problema" com a Venezuela

Washington, 24 fev (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou nesta sexta-feira que tem um "grande problema" com a Venezuela durante uma reunião com o presidente do Peru, Pedro Paublo Kuczynksi, o primeiro líder da América Latina a visitar Washington desde que o republicano assumiu o poder.

"Temos um problema com a Venezuela, o que eles estão fazendo é muito ruim", disse Trump em entrevista no Salão Oval.

Perguntado pela Agência Efe se conversaria com Trump sobre o pedido do Peru para que os EUA extraditem o ex-presidente peruano Alejandro Toledo, Kuczynski desconversou. "Pode ser que sim, pode ser que não", respondeu.

No breve encontro com jornalistas antes da reunião bilateral, Trump disse que o Peru é um "fantástico vizinho" e descreveu o Kuczynski como um "homem muito especial".

Na sequência, o republicano disse que o Peru irá comprar alguns veículos militares dos EUA. "São grandes veículos. Acabo de vê-los. E os senhores estão os testando. Usem eles bem", afirmou o presidente dos EUA, sem dar mais detalhes sobre a negociação.

Kuczynski disse que está contente por estar em Washington e expressou "grande respeito" pelos EUA.

"A América Latina tem que crescer mais, e vamos falar sobre como fazer isso. Talvez você tenha algumas ideias", disse a Trump.

"Sim, tenho", respondeu o republicano, completando com a situação da Venezuela. "Temos um problema com a Venezuela, o que eles estão fazendo é muito ruim. Vamos falar de muitas coisas diferentes".

Os dois conversaram a sós por dez minutos. Depois, uma delegação peruana liderada pelo ministro das Relações Exteriores do Peru, Ricardo Luana, se uniu ao encontro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos