Trump se diz satisfeito com acordo para defesa do livre-comércio do G7

Taormina (Itália), 27 mai (EFE). - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se mostrou satisfeito neste sábado com o acordo a favor do livre-comércio alcançado na Cúpula do G7 e, em particular, com os esforços para avançar nas práticas que atingem o comércio global.

"Acabo de sair da #G7Summit (Cúpula do G7). Tivemos grandes reuniões sobre vários temas, especialmente sobre comércio. Trabalharemos para eliminar todas as práticas que distorcem o comércio para fomentar uma autêntica igualdade de condições", afirmou Trump, em duas mensagens seguidas no Twitter.

Ele também disse que está aguardando a análise sobre a indústria do aço e do alumínio que o Departamento de Comércio americano prevê publicar no mês que vem.

"Tomaremos medidas importantes se for necessário", advertiu na mesma plataforma.

Em um último tweet, o presidente escreveu que está voltando para seu país com muitas oportunidades.

"Trazendo de volta aos Estados do Oriente Médio centenas der bilhões de dólares - o que significará EMPREGOS, EMPREGOS, EMPREGOS!", afirmou.

Os líderes do G7 se comprometeram neste sábado a lutar contra o protecionismo e defender a abertura de mercados, depois que os Estados Unidos superaram suas reticências para incluir esta menção no comunicado final, que os dirigentes selaram ao término da Cúpula em Taormina, na Itália.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos