Merkel, Macron e May destacam necessidade de EUA seguirem no acordo com Irã

Berlim, 29 abr (EFE).- A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, conversou neste domingo por telefone com o presidente da França, Emmanuel Macron, e com a primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, sobre o acordo nuclear do Irã, e os três líderes ressaltaram a necessidade de os Estados Unidos permanecerem no pacto.

"Os três reiteraram a disposição de elaborar, em um texto mais amplo com a presença de todos os envolvidos, medidas adicionais em relação a duração das restrições nucleares e outros temas", afirmou o porta-voz do governo da Alemanha, Steffen Seibert, em nota.

Entre as questões adicionais o texto cita o programa de misséis balísticos do Irã e o papel do país na região.

Merkel também conversou com Macro e May sobre as relações comerciais com os EUA. Os três concordaram em afirmar que a Casa Branca não deveria tomar medidas de política comercial contra a União Europeia (UE). Caso isso ocorra, defenderam que o bloco adote uma resposta dentro de uma ordem multilateral.

As conversas tinham como objetivo, segundo o governo da Alemanha, trocar opiniões após as reuniões de Merkel e Macron na Casa Branca.

Os três líderes concordaram em seguir cooperando intensamente nos aspectos abordados.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos