Topo

Kim inicia viagem de volta à Coreia do Norte após cúpula com Putin

2019-04-26T04:14:00

26/04/2019 04h14

Vladivostok, 26 abr (EFE).- O líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, partiu nesta sexta-feira em seu trem blindado a partir de Vladivostok, no Extremo Oriente Russo, até Pyongyang após a primeira cúpula realizada no dia anterior com o presidente da Rússia, Vladimir Putin.

O trem deixou a estação ferroviária de Vladivostok às 15h30 (horário local, 2h30 de Brasília) após uma cerimônia de despedida na qual participaram o ministro de Desenvolvimento do Distante Oriente russo, Alexander Kozlov, o governador de Krai do Litoral, Oleg Kozhemyako, e o embaixador da Rússia na Coreia do Norte, Aleksandr Matsegora.

Kim entrou no trem depois de ouvir os hinos russos e norte-coreanos interpretados pela orquestra da guarda de honra.

O líder norte-coreano deixou Vladivostok, depois de ter encontrado ontem com Putin, onde manifestaram sua disposição de unir forças para avançar na desnuclearização da península coreana e na normalização das relações entre Pyongyang e Seul.

O governador de Krai do Litoral disse aos veículos de imprensa que o marechal "gostou muito a região" e "prometeu voltar".

Antes de deixar Vladivostok, Kim Jong-un depositou uma coroa de flores no Memorial da Glória militar da Frota do Pacífico.

Kozhemyako também revelou que ele e Kim Jong-un estiveram em um restaurante onde seu pai, Kim Jong-Il, tomou café da manhã em 2002 quando conheceu Putin.

O governador também ressaltou que perto da estação ferroviária há um restaurante norte-coreano fundado pelo avô de Kim, Kim Il-sung. EFE

Mais Internacional