Topo

Na Rússia, homem rouba mercearia e exige conhaque para se entregar à polícia

Em Moscou

15/08/2019 19h20

Um homem armado assaltou uma mercearia de uma cidade vizinha de Moscou hoje e, como condição para se entregar à polícia, exigiu uma dose de conhaque, informou a imprensa local.

O caso, que terminou sem nenhum ferido, aconteceu em Kotelniki, a 22 quilômetros da capital da Rússia, segundo a agência de notícias Interfax.

Antes da chegada de policiais, o homem atirou no teto do estabelecimento, o que assustou e provocou a fuga de funcionários e clientes.

De acordo com uma fonte consultada pela agência russa, o homem se recusou a negociar com a polícia até que recebesse uma garrafa de conhaque para tomar uma dose, e só depois disso se rendeu.

Segundo a imprensa local, o homem entrou na mercearia motivado por "um ataque de ciúmes" e esperava encontrar sua companheira, que trabalha como costureira em um ateliê que fica no mesmo prédio, mas ela estava fora na hora do assalto.

Outras fontes disseram que o casal havia brigado e que o assalto teria sido um ato de vingança contra a esposa.

O site oficial da cidade, Kotelniki.info, informou que a negociação visando a rendição durou algumas horas.

O homem vai responder na Justiça por vandalismo e porte de armas, o que pode resultar em uma pena de até sete anos de prisão.

Mais Internacional