PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Portugal inicia novo confinamento de 1 mês para frear avanço da covid-19

Portugal inicia novo confinamento de 1 mês para frear avanço da covid-19 - NurPhoto/Getty Images
Portugal inicia novo confinamento de 1 mês para frear avanço da covid-19 Imagem: NurPhoto/Getty Images

15/01/2021 17h27

O aumento acentuado do número de casos e mortes por Covid-19 em Portugal desde o final de dezembro fez com que o governo decretasse o confinamento do país a partir desta sexta-feira, que terá duração de um mês, com os portugueses tendo que ficar em suas casas, se possível, embora as escolas estejam abertas.

Os portugueses só poderão sair de suas casas para trabalhar, ir à escola, médico, fazer compras, ajudar idosos ou dependentes, praticar esportes ao ar livre individualmente ou caminhar na região onde vivem.

O trabalho remoto é obrigatório sempre que possível e as multas foram aumentadas para garantir que as empresas cumpram.

O governo de António Costa tomou esta decisão após a semana mais complicada desde o início da pandemia. Nos últimos sete dias, foram registrados 912 óbitos e 61.299 positivos.

Esta situação fez com que os hospitais estivessem em uma situação muito difícil devido ao aumento exponencial das internações.

No total, há 4.368 pessoas internadas por conta do novo coronavírus em diferentes hospitais do país, das quais 611 estão em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs).

Os casos ativos também dispararam nas últimas duas semanas, com 121.815 pessoas.

Internacional