Ex-presidentes mexicanos comparam Trump a Adolf Hitler

Joanna Zuckerman Bernstein e Luis Rojas

Da Reuters, na Cidade do México

  • Gabinete Presidencial/AP

    Felipe Calderón, à esquerda, governou o México até 2012, quando passou a presidência a Enrique Peña Nieto. Para ele, Trump é contra imigrantes apenas quando não possuem cor de pele similar à sua

    Felipe Calderón, à esquerda, governou o México até 2012, quando passou a presidência a Enrique Peña Nieto. Para ele, Trump é contra imigrantes apenas quando não possuem cor de pele similar à sua

A retórica política de Donald Trump, pré-candidato republicano à presidência dos EUA, é "racista", e evoca Adolf Hitler, disse neste sábado (27) o ex-presidente do México, Felipe Calderón, a repórteres em um evento na Cidade do México.

"Esta lógica de louvar a supremacia branca não é apenas anti-imigração", disse Calderón. "Ele está agindo e falando contra imigrantes que têm uma cor de pele diferente da sua, é francamente racista e explora sentimentos como Hitler fez em sua época", completou.

Trump, até agora o pré-candidato com mais vitórias nas prévias republicanas e que lidera as pesquisas para as próximas, acusa o México de envio de estupradores e traficantes de drogas através da fronteira EUA e disse que vai fazer os mexicanos pagar por um muro na fronteira.

Felipe Calderon foi presidente do México a partir de 2006-12.

O ex-presidente do México, Vicente Fox, antecessor de Calderón, também comparou Trump a Hitler em uma entrevista com Anderson Cooper da "CNN". "Ele me lembra Hitler", disse Fox na última sexta-feira.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos