PUBLICIDADE
Topo

Conselheiro de segurança de Trump se reúne com embaixador turco para discutir detenção de pastor, diz Casa Branca

13/08/2018 19h37

WASHINGTON (Reuters) - O conselheiro de segurança nacional da Casa Branca, John Bolton, se reuniu nesta segunda-feira com o embaixador da Turquia nos Estados Unidos para discutir a detenção do pastor norte-americano Andrew Brunson, informou a Casa Branca.

"A pedido do embaixador turco, o embaixador John Bolton se reuniu com o embaixador Serdar Kilic da Turquia (na segunda-feira) na Casa Branca. Eles discutiram a detenção do pastor Andrew Brunson na Turquia e o estado da relação EUA-Turquia", afirmou a porta-voz da Casa Branca Sarah Sanders.

Apesar das notícias de que os Estados Unidos definiram um prazo para a Turquia entregar Brunson, autoridades dos EUA disseram que nenhum prazo foi estabelecido.

Não há sinais de que os Estados Unidos estejam preparados para negociar com a Turquia a respeito de Brunson, com Trump aparentemente satisfeito por deixar, no momento, que suas pressões econômicas continuem sobre a economia da Turquia.

Os EUA impuseram sanções a dois altos funcionários do gabinete do presidente turco, Tayyip Erdogan, em uma nova tentativa de conseguir que a Turquia, aliada da Otan, entregue Brunson, acusado de apoiar uma tentativa de golpe contra Erdogan há dois anos.

Na semana passada, Trump tuitou que "nossas relações com a Turquia não são boas neste momento!" e disse que autorizou a duplicação das tarifas sobre as importações de aço e alumínio da Turquia.

(Reportagem de Steve Holland e Jeff Mason)