PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Casal é flagrado se refrescando em piscina de loja no interior de SP

Simone Machado

Colaboração para o UOL, em São José do Rio Preto (SP)

27/10/2020 19h48

Uma cena inusitada chamou a atenção de moradores do bairro Campolim, em Sorocaba, interior de São Paulo: um casal aproveitando a piscina de uma loja para se refrescar. O flagrante foi feito na tarde de domingo (25) por uma motorista que passava pelo local e registrou tudo pelo celular.

Nas imagens que circulam nas redes sociais, é possível ver um homem e uma mulher sentados à beira da piscina. No momento do flagrante, eles estão apenas com as pernas dentro da água, e parecem não se importar com a movimentação de veículos na rua.

O proprietário da loja de piscinas, Mateus Henrique Machado, afirma que o casal que aparece nas imagens não seria morador do bairro, e acrescenta que essa não foi a primeira vez que a piscina em exposição é usada por desconhecidos enquanto a loja está fechada. Ele garante que a situação já aconteceu outras vezes, mas nunca havia sido flagrada.

"Principalmente no verão, quando a cidade registra altas temperaturas, já percebemos que a piscina foi usada, principalmente depois do final de semana. Nunca flagramos, mas às vezes as pessoas que vêm acabam esquecendo alguns objetos", comenta.

Segundo ele, os "frequentadores" utilizam o local principalmente para fazer a higiene pessoal, como tomar banho e fazer a barba, o que gera alguns transtornos para o estabelecimento.

"Se eles apenas usassem a piscina para nadar e se refrescar não teria problema, mas eles usam para essas outras atividades e acabam derrubando produtos na água e deixando a água bem suja", explica o proprietário, que explica que, por se tratar de um produto em exposição, a água é tratada e a piscina é limpa diariamente.

Apesar do problema, o proprietário do estabelecimento garante que não procurou a polícia para fazer boletim de ocorrência e nem pretende fechar a frente da loja com alambrado ou algum outro tipo de material para impedir o acesso de pessoas aos finais de semana.

"Apesar da presença de pessoas na piscina, nunca tivemos a loja invadida e nunca nos foi levado nada, então por enquanto não vamos fazer nada", diz.

Para acessar a piscina, que fica na frente da loja, é fácil: basta pular uma corrente que cerca o local. Apenas uma das laterais da loja é cercada com alambrado.

Cotidiano