Tsunami atinge o Japão após terremoto de magnitude 6,8

Do UOL, em São Paulo

  • Como as pessoas que sobreviveram a um tsunami e a uma tragédia nuclear? UOL foi ao Japão para mostrar histórias de recomeço

Um tsunami alcançou nesta quarta-feira (14) as costas do nordeste do Japão após um terremoto de magnitude 6,8 registrado no Oceano Pacífico. Nenhum dano foi provocado pelas ondas nem pelo tremor. O tamanho das ondas não foi informado, mas segundo agências.

A agência meteorológica japonesa informou que o epicentro do tremor foi a 210 quilômetros da costa de Hokaido (norte do país), a uma profundidade de 10 km.

Alarmes nas cidades litorâneas das províncias de Iwate, Aomori e Hokkaido foram acionados. Na província Otsuchi, em Iwate, onde mais de 800 pessoas morreram após o tsunami de 2011, as autoridades emitiram uma ordem de evacuação para os moradores da costa japonesa, como precaução. 

As tevês e rádios japonesas ficaram de plantão e alertaram a população sobre os riscos, apesar das ondas serem pequenas. Alguns apresentadores repetiam, em tom austero, para que as pessoas procurassem abrigo em lugares elevados.

A reconstrução total das áreas atingidas pelo terremoto seguido por tsunami e acidentes nucleares no Japão há um ano, no dia 11 de março, deve levar pelo menos uma década, segundo especialistas do governo. No país, cerca de 350 mil pessoas esperam por uma casa. Mais de 50 mil moradias temporárias foram construídas. Pelos dados do governo, os danos são superiores a 156 bilhões de euros. (Com AFP)

Relembre o terremoto que devastou o Japão
Veja Álbum de fotos
 

Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos