Topo

CarnaUOL

Rio de Janeiro


Rainha Ju Paes atrai todos os olhares e celebra com beijo em Deborah Secco

Monique Arruda e Laís Gomes

Colaboração para o UOL, no Rio

04/03/2019 00h11Atualizada em 04/03/2019 09h44

Por onde Juliana Paes passa se instala o empurra-empurra e a confusão. A rainha de bateria da Grande Rio, no entanto, segue sorridente e simpática. "O desfile foi sem tensão, gostoso, brinquei o Carnaval na avenida", disse. "Estou tão emocionada e feliz. Foi tudo lindo", comemorou ela, que desfilou representando uma ave rara e praticamente extinta. 

A atriz atraiu todas as atenções na dispersão. O assédio era grande, e a rainha de bateria, que contava com um forte esquema de segurança, foi escoltada para fora do sambódromo. De bom humor, ela ainda arrumou um jeitinho de dar atenção aos fãs e chegou a bater uma selfie.

Juliana, que passou parte do desfile um tanto comedida, explicou o motivo de não ter se soltado tanto na avenida. "Eu sempre me jogo, mas teve um momento em que percebi que meu costeiro estava todo molhado. Mas depois da metade do desfile já estava bem solta. Antes do desfile dei uma raspada na sola da sandália, tem uns truques  que a gente usa para dar tudo certo." 

Quase no fim do desfile da Grande Rio, Juliana Paes deu um selinho em Deborah Secco, que estava em um camarote na beira da avenida. "Deborah é minha amiga, foi no finalzinho do desfile, momento de euforia, comemoração, que deu tudo certo. Então fui lá comemorar com ela."

Post pago, separação e briga de Anitta: famosos fazem revelação a Mazzafera

UOL Entretenimento

Perguntada se continuaria no posto de rainha de bateria, a atriz tentou fugir do assunto. "Todo ano eu digo que vai ser o último. Falo: 'Estou fora, isso é loucura'. Mas acabo voltando. Então não estou pensando muito nisso agora. Não sei como vai ser", afirmou a musa do camarote Arpoador.

A chegada à Sapucaí foi bastante tumultuada. Ela apareceu na concentração cercada por dez seguranças, além de seu marido, Eduardo Baptista, e do presidente da escola de Caxias, Jayder Soares. 

O empurra-empurra de fotógrafos quase gerou briga, e Juliana teve que pedir calma aos seguranças. Muito simpática ela parou para falar com a imprensa e respondeu a todas as perguntas, inclusive sobre o suposto "dark room" da Globo, que, segundo ela, é uma piada.

"Estou muito feliz de estar aqui. Estava gravando a próxima novela das oito no Sul e, com a chuva, as coisas atrasaram por lá. Quase não consegui estar aqui. Mas deu tudo certo", disse.

A atriz posa no camarote Arpoador, do qual é musa - Laís Gomes/UOL
A atriz posa no camarote Arpoador, do qual é musa
Imagem: Laís Gomes/UOL

A atriz falou animada também sobre os filhos: "Hoje eles vão me assistir, eles estão em casa acordados, esperando meu desfile. Isso torna o dia de hoje ainda mais especial. Pela primeira vez, passei 17 dias longe deles, gravando no Sul. Muitas vezes chorei, mas acho que isso faz parte do amadurecimento e do desenvolvimento deles. É bom para eles e bom para mim. Mas não penso em ter o terceiro filho, fechei a fábrica".

A fantasia de Juliana é bastante leve, a pedido dela: "Não usamos penas novas, repintamos penas já usadas em outros Carnavais. Tudo pensado nos animais. Pedi para a fantasia ser muito leve, para eu evoluir bem. Não quis cabeça grande nem nada pesado".

A atriz acompanhada pelo marido e por Jayder Soares, presidente da Grande Rio - Monique Arruda/UOL
A atriz acompanhada pelo marido e por Jayder Soares, presidente da Grande Rio
Imagem: Monique Arruda/UOL

Mais Rio de Janeiro