País registra 84 mortes por gripe suína no ano

Do UOL Notícias*
Em São Paulo

Pelo menos 84 pessoas morreram e 675 foram hospitalizadas no Brasil este ano em razão do vírus da Influenza A (H1N1), conhecida como gripe suína. O número inclui as mortes registradas entre 1º de janeiro e 5 de julho, de acordo com o último balanço do Ministério da Saúde.

Segundo o levantamento do ministério, a Região Norte registrou 44 óbitos e 256 casos graves da doença. Em seguida, vem o Sul do País, com 15 mortes e 243 casos; a Região Nordeste contabilizou 12 óbitos e 99 casos graves; o Sudeste teve dez mortes e 63 casos; e a Região Centro-Oeste, registrou três óbitos e 14 casos graves confirmados.

Em todo o ano passado, a partir do dia 25 de abril, foram registradas 2.051 mortes decorrentes da gripe suína no País. Somente na região Sudeste foram contabilizados 973 óbitos.

Professores vacinados

A Secretaria Estadual da Saúde de São Paulo imunizará contra a gripe suína os cirurgiões-dentistas com idades entre 40 e 59 anos. A vacinação será realizada até amanhã nas unidades básicas de saúde. Também poderão se vacinar até amanhã os professores das redes pública e privada do Estado. O objetivo é evitar o afastamento do professor por gripe.

Segundo dados do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (Crosp), mais de 32 mil dentistas estão nesse grupo etário. A inclusão da categoria entre os grupos prioritários foi feita a pedido do Crosp. "Nossa preocupação era a de que os profissionais, ao serem excluídos da imunização, tornem-se, além de vítimas da gripe, vetores de transmissão a seus pacientes", diz o presidente do Crosp, Emil Adib Razuk.

* As informações são da Agência Estado

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos