PUBLICIDADE
Topo

De olho em visita ao Rio, fábrica faz máscara com rosto do papa Francisco

A máscara foi elaborada a partir de uma escultura de argila feita com base em fotos e imagens de TV do papa - Divulgação
A máscara foi elaborada a partir de uma escultura de argila feita com base em fotos e imagens de TV do papa Imagem: Divulgação

Carolina Farias

Do UOL, no Rio

15/04/2013 13h47

De olho na Jornada Mundial da Juventude, uma tradicional fábrica de máscaras da região metropolitana do Rio de Janeiro já fez o rosto do papa Francisco. A Condal, de São Gonçalo, faz máscaras e outros artigos de Carnaval há mais de 50 anos e termina nesta semana um lote de cerca de 70 máscaras do novo papa, que serão distribuídas entre os representantes que revendem os produtos da indústria.

A Jornada Mundial da Juventude acontece entre os dias 23 e 28 de julho na cidade do Rio, com a presença do papa Francisco, e deve atrair cerca de 2 milhões de jovens do mundo todo.

A máscara foi elaborada a partir de uma escultura de argila feita com base em fotos e imagens de TV do papa, segundo Albert Paris, diretor comercial da empresa. Depois do rosto pronto na argila, é feita a forma de gesso para a máscara, trabalho que é feito por um artesão da fábrica, assim como as outras máscaras.

"Vamos mandar nessa semana para os representantes e aí esperar os pedidos", afirmou Paris. Especialista em transformar rostos famosos em máscaras de látex, a Condal tem uma galeria de personalidades em suas prateleiras. Procurada, a organização da Jornada Mundial da Juventude não havia se manifestado sobre as máscaras até as 13h30.

No Carnaval passado, a máscara de Joaquim Barbosa, atual presidente do STF (Superior Tribunal Federal) que atuou como relator do julgamento do mensalão no ano passado, foi das mais populares.

Entre os julgados e condenados, quem mereceu virar máscara foram o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu (PT) e o ex-presidente do partido José Genoíno. A presidente Dilma Rousseff também foi personagem principal da linha de produção da fábrica, quando foi candidata ao cargo. O ex-presidente Lula é outro que já foi destaque, com 15 mil unidades vendidas.

Além da política nacional, rostos de figuras internacionais, como o presidente morto da Venezuela, Hugo Chaves, e até Bin Laden, já viraram máscaras, assim como o astro pop Michael Jackson e o físico Albert Einstein.

Cotidiano