PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Polícia faz operação contra tráfico e roubo de cargas em favela na zona norte do Rio

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

22/02/2018 11h29

A Polícia Militar do Rio de Janeiro realiza, na manhã desta quinta-feira (22), uma ação no Morro do Juramento, na zona norte.

A ação policial visa o combate de roubo de cargas e de veículos e do tráfico de drogas. Equipes do 41º Batalhão de Polícia Militar (Irajá) e do 2º Comando de Policiamento de Área (2º CPA) estão no local. Durante o confronto, dois suspeitos foram presos. Um deles foi baleado e socorrido.  Foram apreendidas duas pistolas 9mm e dois rádios.

A operação ocorre em momento em que o Estado está sob intervenção federal, que repassou para as Forças Armadas a responsabilidade pela segurança pública no Rio de Janeiro. Homens do Exército não participam, contudo, desta ação policial.

O Rio de Janeiro viu a crise da segurança pública se agravar nos últimos meses, com casos de violência durante o Carnaval. Por conta da situação, o decreto de intervenção federal já foi aprovado pelo Congresso e está em vigor. O interventor nomeado é o general Braga Netto, responsável por comandar as forças de segurança no Rio.

Também nesta quinta, a Polícia Civil e o Ministério Público fazem operação para prender 92 suspeitos de envolvimento com o tráfico de drogas no sul do Estado do Rio, nas cidades de Volta Redonda, Resende, Barra Mansa, Itatiaia e Porto Real. De todos os mandados de prisão expedidos, ao menos 66 foram efetuados até as 8h30.

Criança baleada em Caxias

O tenente Guilherme Lopes da Cruz, subcomandante da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) da Vila Kennedy, zona oeste do Rio, foi morto durante assalto a uma lanchonete na madrugada de quarta-feira (21). O oficial foi morto a tiros após bandidos a bordo de uma picape de cor prata iniciarem o assalto em uma lanchonete na estrada do Gabinal, em Jacarepaguá, também na zona oeste. Ao perceber a ação dos bandidos, o tenente trocou tiros e foi baleado.

Na Baixada Fluminense, também na quarta, uma criança de sete anos foi baleada na perna em uma troca de tiros durante uma operação da Polícia Militar em uma favela em Duque de Caxias. Um homem foi morto e outro ficou ferido.
Em protesto, moradores das comunidades Santa Lucia e Imbariê atearam fogo em um ônibus. Segundo a PM, foi apreendida uma pistola e drogas com um dos suspeitos. O suspeito baleado foi encaminhado ao Hospital Adão Pereira Nunes, também em Duque de Caxias.

Moradores ateiam fogo em ônibus após criança ser baleada

UOL Notícias

Cotidiano