PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Homem rouba celular no RJ e exige senha da vítima para desbloquear aparelho; veja

Fabiana Marchezi

Colaboração para o UOL

18/04/2018 15h23

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra a ousadia de um homem no Rio de Janeiro. Além de roubar o celular de uma pedestre, ele exige a senha do aparelho. A ação aconteceu nesta terça-feira (17), no Largo dos Leões, no bairro Humaitá, zona sul da cidade. Imagens registradas por uma câmera de segurança mostram o suspeito circulando de moto pela calçada.

O suspeito aborda a vítima, rouba o celular da mulher e exige que ela o ajude a desbloquear o aparelho.

Em seguida, ele deixa o local, mas volta assim que percebe a aproximação de mais uma vítima. Desta vez, ele leva o celular e o relógio de um outro pedestre. As câmeras filmaram os dois crimes, praticados em questão de segundos. Porém, até a manhã desta quarta-feira (18) nenhum dos roubos havia sido registrado na delegacia que atende a região.

Leia também

Para Luiz Carlos Ferreira dos Santos, presidente da Associação de Moradores e Amigos do Humaitá, a falta de segurança em toda cidade é muito grave e o índice de roubo a pedestres é alarmante, mas a subnotificação dos crimes também preocupa.

“Os casos circulam pelas redes sociais, mas são subnotificados porque as vítimas não querem prestar queixa, achando que não adianta, que vai dar em nada. O problema é que para podermos cobrar do poder público, precisamos que os casos sejam registrados. Caso contrário, eles nem existiram, não entram na mancha criminal. É importante que as vítimas registrem o boletim de ocorrência para que possamos cobrar medidas para a região”, recomenda Santos.

A assessoria de imprensa da Polícia Militar informou, em nota ao UOL, que o 2º BPM (Botafogo) realiza policiamento 24 horas na área sob sua responsabilidade com rondas em viaturas e em grupamentos de motos além do ciclopatrulhamento nos bairros de Laranjeiras, Cosme Velho, Largo do Machado, Praça São Salvador e Praia do Flamengo.

O comunicado ressaltou que a população pode contribuir com o trabalho da Polícia Militar através do WhatsApp do 2ºBPM - (21) 96579-3663 - ou do Disque Denúncia (21) 2253-1177.

Violência

Dados divulgados nesta terça-feira (17) pelo Instituto de Segurança Pública (ISP) mostram um aumento de 26,6% no número de roubo a pedestre em março deste ano, em relação ao mesmo mês de 2017.

Segundo o instituto, em 2017, mesmo com as polícias em greve, foram registrados 6.109, enquanto em março deste ano foram 7.655. Em média, um pedestre é roubado a cada seis minutos na cidade.

Já o número de roubos de veículos bateu recorde histórico no mês passado, com 5.358 casos. O aumento foi de 7,1% no mês de março deste ano, em comparação ao mesmo período do ano passado, quando foram registrados 5.002 casos.

Cotidiano