PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Mãe tenta salvar filho e é morta a tiros no Tocantins, diz polícia

Alvo dos disparos era o filho de Vera Silva, segundo a polícia - Reprodução/TV Globo
Alvo dos disparos era o filho de Vera Silva, segundo a polícia Imagem: Reprodução/TV Globo

Lucas Borges Teixeira

Colaboração para o UOL

14/08/2018 16h07

Uma idosa de 62 anos foi morta ao tentar proteger o filho de tiros em Araguaína, no norte de Tocantins, na noite do último domingo (12).

Ao UOL, a Polícia Civil informou que família de Vera de Sousa Silva comemorava um aniversário em frente à casa dela, na periferia da cidade, quando dois homens chegaram em uma moto e começaram a ameaçar seu filho, Manuel Felipe da Silva, de 31 anos.

Quando os suspeitos começaram a atirar, Vera teria pulado na frente de Silva "em um ato de desespero" e levou quatro tiros, entre eles um na cabeça, segundo a polícia. O filho dela também foi atingido na região do tórax e está internado em estado grave no Hospital Regional de Araguaína. A dupla fugiu.

Leia mais:

A polícia diz que possivelmente o alvo dos disparos era Manuel Silva, que já foi detido por tráfico de drogas e é suspeito de continuar a praticar o crime. Sua mãe, no entanto, não tinha participação.

A Delegacia Regional de Araguaína investiga o caso e trabalha com a possibilidade de acerto de contas entre facções rivais. Até o fechamento desta reportagem ninguém foi preso.

    Cotidiano