Topo

Vítima de Massacre em Suzano recebe alta; 10 continuam internados

Mirthyani Bezerra

Do UOL, em São Paulo

2019-03-14T12:15:44

14/03/2019 12h15

Uma vítima do massacre de Suzano, que não teve a idade divulgada, recebeu alta do Hospital Geral de Itaquaquecetuba no início da tarde de hoje. Seu quadro era estável e ela passou por um acompanhamento especializado de cirurgia geral.

Outros dez feridos do ataque permanecem em estado estável internados em unidades de saúde estaduais, do município e em um hospital particular.

Segundo novo boletim divulgado pelo governo do Estado às 13h de hoje, o estado de saúde do adolescente A.C.B., 15, que está internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital das Clínicas, em São Paulo, passou de grave, no início da manhã, e segue estável desde então.

Dos sete feridos que estão em hospitais estaduais, quatro estão no Hospital das Clínicas, que pertence à FMUSP (Faculdade de Medicina da USP).

Além de A.C.B., são eles: a menina A.I.B.P, 16, que está na UTI, mas tem quadro de saúde estável; o garoto M.G.L.B.,15, que está estável e permanece na enfermaria da unidade; e L.V.S., 16, que está no pronto-socorro, com quadro estável. Todos os feridos que estão no Hospital das Clínicas foram atingidos por tiros.

Outras duas pessoas também permanecem internadas no Hospital das Clínicas Luzia de Pinho Melo, em Mogi das Cruzes (Grande São Paulo). Uma paciente do sexo feminino está na UTI em quadro de saúde estável. Outro, do sexo masculino, também está estável, mas se prepara para passar por uma cirurgia. A idade deles são foi informada.

CÂMERAS DE ESCOLA MOSTRAM ATAQUE EM SUZANO

UOL Notícias

Unidades municipais

Outros dois feridos estão no Pronto Socorro Municipal de Suzano. Um adolescente de 14 anos está internado e passará por uma cirurgia no joelho esquerdo.

Já uma menina de 15 anos deve receber alta ainda hoje, segundo a Prefeitura de Suzano.

Hospital particular

Os dois jovens internados no Hospital Santa Maria, em Suzano, que é particular, estão estáveis, no quarto, com quadro positivo de evolução, segundo a unidade de saúde. No entanto, ainda não há previsão de alta. Um deles é José Vitor Ramos Lemos, 18, que foi atingido por um machado e procurou atendimento a pé no hospital, estava internado se recuperando de uma cirurgia para retirada da arma branca. A idade do outro jovem não foi informada.

Mais Cotidiano