Topo

Homem morre após brincar com cobra-coral e ser picado na Bahia

Aliny Gama

Colaboração para o UOL, em Maceió

2019-04-09T16:05:06

2019-04-09T20:41:43

09/04/2019 16h05Atualizada em 09/04/2019 20h41

Um homem morreu depois de ser picado por uma cobra-coral no município de Caetité, na região sudoeste da Bahia, na última sexta-feira (5). Marcelo Soares estava brincando com a cobra quando foi picado na mão e morreu pouco tempo depois.

Segundo a polícia, Soares estava com um grupo de amigos bebendo na praça da Juventude, no bairro Ovídio Teixeira, quando avistou a cobra-coral e a capturou com as mãos.

A polícia disse que ele estava embriagado e que ele era conhecido na cidade por gostar de mexer em cobras e outros animais peçonhentos.

O ataque da cobra foi filmado por colegas de Soares. Nas imagens, ele aparece segurando a cobra-coral com a mão, enquanto um homem diz para ele ter cuidado para não ser picado pelo animal.

"Cuidado para ela não te ferroar pelo rabo. Segura, segura, não deixe ela torcer não", diz o homem.

Soares continua mexendo na cobra e tenta colocá-la no bolso. Instantes depois, a cobra morde a mão do homem e ele cai no chão desacordado.

Ele foi socorrido para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do município, mas não resistiu ao veneno da cobra e morreu.

Na tarde desta terça-feira (9), o UOL procurou a família de Soares, mas ninguém quis comentar o assunto. Ele deixa mulher e duas filhas.

Mais Cotidiano