Topo

Mulher leva 40 pontos na cabeça após ter carro atingido por estaca no DF

Carro de mulher atingido por estaca de madeira em Brasília  - Arquivo Pessoal
Carro de mulher atingido por estaca de madeira em Brasília Imagem: Arquivo Pessoal

Jéssica Nascimento

Colaboração para o UOL, em Brasília

02/07/2019 15h54

A vigilante Rafaelle Christina Melo de Almeida, de 32 anos, levou 40 pontos na cabeça após ter seu carro atingido por uma estaca de madeira arremessada por um homem em Brasília, na manhã de domingo (30).

"Eu nasci de novo. Olho para as fotos do meu carro e não consigo acreditar no que aconteceu", disse ela.

 Rafaelle de Almeida, que foi atingida por uma estaca de madeira arremessada contra seu carro em Brasília - Arquivo Pessoal
Rafaelle de Almeida, que foi atingida por uma estaca de madeira arremessada contra seu carro em Brasília
Imagem: Arquivo Pessoal

Rafaelle estava indo trabalhar quando avistou um pedaço de madeira no meio da pista, no bairro Incra 07, e decidiu desviar e reduzir a velocidade do carro.

"Foi aí que o homem se aproximou e jogou a estaca de madeira bem em direção ao parabrisa. Fiquei sem reação. Consegui dirigir ainda por três quilômetros, avisei um motociclista e pedi ajuda", afirmou a vigilante ao UOL.

Rafaelle foi atendida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada ao Hospital Regional de Ceilândia.

Um agente do Departamento de Trânsito do Distrito Federal deteve nas proximidades do ataque o suspeito Jaime Pereira da Silva, 26. Para a Polícia Civil, ele tentou roubar o veículo.

Silva foi levado ao à 24ª Delegacia de Polícia, localizada em Ceilândia, que investigará o caso. Segundo o delegado Ricardo Viana, o suspeito apresentou comportamento agressivo durante o período que esteve no local, chutando a porta da cela e se debatendo.

Carro atingido por estaca de madeira em Brasília  - Arquivo Pessoal
Carro atingido por estaca de madeira em Brasília
Imagem: Arquivo Pessoal

"Ele se limitou a dizer que não foi o responsável por arremessar o objeto contra o veículo da vítima. Porém, sabemos que é mentira. Ele estava sob o uso de álcool ou drogas, não sabia responder quase nada. Foi indiciado por dano qualificado e lesão corporal", disse o delegado.

Silva foi liberado da prisão ontem após participar da audiência de custódia. O UOL tentou entrar contato com ele por telefone, mas não conseguiu localizá-lo.

Rafaella passou por exames no Instituto Médico Legal e disse esperar justiça.

Rafaelle de Almeida, que levou 40 pontos na cabeça após ter carro atingido por estaca de madeira em Brasília - Arquivo Pessoal
Rafaelle de Almeida, que levou 40 pontos na cabeça após ter carro atingido por estaca de madeira em Brasília
Imagem: Arquivo Pessoal

Sei que as cicatrizes vão ficar, mas isso é o de menos. Estou viva, Deus me salvou. Mas ele precisa ser preso. Quase tirou minha vida, meu filho de 1 ano e 7 meses quase não me reconhece mais

Rafaella de Almeida

Segundo o delegado, as investigações deverão durar cerca de 30 dias. Dependendo do resultado, Jaime Silva pode ser denunciado por tentativa de latrocínio.

Errata: o texto foi atualizado
A matéria informou incorretamente no último parágrafo que o suspeito do crime pode ser acudido de tentativa de homicídio. Na verdade, ele pode ser denunciado por tentativa de homicídio. A informação foi corrigida.

Mais Cotidiano