Topo

Homem se irrita com atendimento e provoca incêndio no Poupatempo em SP

07.ago.2019 - Agência do Poupatempo é incendiada em Carapicuiba (SP) - Reprodução/SBT
07.ago.2019 - Agência do Poupatempo é incendiada em Carapicuiba (SP) Imagem: Reprodução/SBT

Bruna Alves

Colaboração para o UOL, em São Paulo

09/08/2019 14h38

O motorista José Antônio de Carvalho, 57, foi preso em flagrante por atear fogo numa unidade do Detran (Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo), dentro do Poupatempo de Carapicuíba, na região metropolitana de São Paulo, na última terça-feira, 6. Ninguém ficou ferido.

Segundo a Polícia Civil, Carvalho teria se irritado com o atendimento recebido pela manhã e voltado à agência mais tarde para retirar seu documento, que estaria pronto. Mas quando retornou ao Poupatempo, foi informado que precisaria esperar mais, porque o sistema havia caído.

Testemunhas ouvidas pela polícia relataram que o suspeito discutiu com uma funcionária e, logo após, entrou por trás do balcão de atendimento com um galão de gasolina, começando a jogar o líquido sobre as mesas. Em seguida, ele acendeu um fósforo e o local começou a pegar fogo, como mostram vídeos postados em redes sociais.

Após ser preso pela polícia, José Antônio explicou que ficou nervoso com a atendente, porque precisava do documento para trabalhar. "Ela (a funcionária) falou: 'eu vou fazer seu documento às quatro horas'. Eu falei: 'quatro horas não dá para retirar meu carro e eu preciso do carro'? Aí ela falou que 'não, agora não vou fazer mais porque você é bocudo'", disse em entrevista ao SBT.

"Aí eu voltei às quatro horas para pegar o documento, para ver se ia tocar no coração dela de fazer meu documento. Aí ela olhou para minha cara, fez um ar de riso, e falou assim: 'só daqui 30 minutos, porque o sistema saiu fora do ar'. Eu estava com um galão de álcool para por num outro carro meu, espalhei o galão do álcool e ateei fogo", explicou.

No vídeo gravado por populares é possível ver as pessoas correndo assustadas quando viram as chamas se espalharem. O incêndio foi contido em pouco tempo pela equipe do Corpo de Bombeiros e apenas parte das mesas e alguns papeis foram queimados, de acordo com a Polícia Civil.

Em seguida, a Polícia Militar chegou e prendeu José Antônio em flagrante. O motorista passou a noite detido em uma delegacia da cidade, mas foi liberado no dia seguinte após passar por uma audiência de custódia. A reportagem não conseguiu localizar a defesa do motorista. O UOL não conseguiu contato com a defesa do acusado, e o caso corre em segredo de justiça.

Detran diz que documento seria liberado, mas confirma queda no sistema

O Detran afirmou que o documento pedido por Carvalho teria 24 horas para ficar pronto, mas diz que o expediu no mesmo dia.

O órgão também confirmou que houve uma queda no sistema de veículos, mas afirmou que isso não afetaria a entrega do documento.

Questionado sobre o atendimento prestado ao cliente, o Detran preferiu não se manifestar a respeito.

Em nota, o Poupatempo lamentou o ocorrido e disse que o Detran e os demais serviços prestados na unidade de Carapicuíba estão funcionando normalmente.

Mais Cotidiano