PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Professor é morto a facada; aluno é considerado principal suspeito

Arquivo Pessoal
Imagem: Arquivo Pessoal

Jéssica Nascimento

Colaboração para o UOL, de Brasília

30/08/2019 19h57

Um coordenador de ensino do colégio Estadual Machado de Assis, em Águas Lindas de Goiás, morreu na tarde de hoje (30) após ser esfaqueado por um aluno de 18 anos, que cursa o 9º ano do ensino fundamental.

O crime ocorreu por volta de 12h30, na saída do colégio. Bruno Pires foi levado para o Hospital Bom Jesus, em Águas Lindas, e transferido para o Hospital Regional de Ceilândia, no Distrito Federal. Porém, ao chegar na unidade, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Os professores não sabem o que pode ter motivado a agressão. Segundo a Polícia Civil, a faca utilizada no crime foi deixada no pátio do colégio e já foi apreendida. O estudante está foragido.

Bruno Pires de Oliveira tinha 41 anos de idade. O principal suspeito do crime é o estudante Anderson da Silva Leite Monteiro, de 19 anos. Segundo informações dos alunos, o estudante não teria gostado de ter sido retirado de um grupo do colégio que fazia atividades extraclasses, por ter tirado notas baixas.

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Goiás (Sintego) disse que lamenta profundamente a morte do coordenador pedagógico Bruno Pires de Oliveira.

"É lamentável. Mais uma morte trágica no ambiente escolar, que reitera a necessidade da proteção dos profissionais da Educação. É preciso agir para que vidas não mais sejam retiradas. Basta de tanta violência! A Educação pede paz!", disse a presidenta do SINTEGO, Bia de Lima.

Cotidiano