PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

4 morrem carbonizados em acidente em SP; fogo perto da pista pode ser causa

Divulgação
Imagem: Divulgação

Simone Machado

Colaboração para o UOL, em São José do Rio Preto (SP)

31/08/2019 19h33Atualizada em 01/09/2019 09h42

Quatro pessoas morreram carbonizadas em um acidente de trânsito, na rodovia Homero Severo Lins, em Martinópolis, interior de São Paulo, na tarde deste sábado. Inicialmente, as autoridades haviam informado seis mortos, mas corrigiram o número na manhã de hoje. Três pessoas foram socorridas em estado grave.

O acidente aconteceu por volta das 16h30 e envolveu uma van e um caminhão que bateram de frente. A principal hipótese para o acidente é a falta de visibilidade por causa de fumaça provocada por um incêndio na vegetação às margens da rodovia.

A fumaça vinda da queimada que atingiu os dois lados da rodovia encobriu a pista por aproximadamente um quilômetro.

Na van, que pertence à Prefeitura de Rancharia (SP), estavam pacientes que faziam hemodiálise em um hospital de Presidente Prudente (SP). O caminhão estava carregado com vidros.

Havia cinco pacientes, um acompanhante e o motorista na van. O motorista da van é Sebastião Pinto Filho, 58. Ele oi socorrido em estado grave em um hospital de Presidente Prudente. Passa por atendimento, mas ainda não havia boletim médico até a última atualização deste texto. O motorista do caminhão, cujo nome ainda não foi divulgado, passou por exame de bafômetro, mas não foi constatada nenhuma alteração no nível de álcool no sangue. Ele não ficou ferido.

Os nomes dos mortos ainda não haviam sido divulgados. Os corpos foram encaminhados para o IML de Presidente Prudente.

Segundo o Corpo de Bombeiros, o forte impacto da batida fez com que os dois veículos pegassem fogo e fossem destruídos.

Ainda segundo o Corpo de Bombeiros, algumas vítimas foram socorridas por motoristas que passavam pela rodovia no momento do acidente.

Cotidiano