Topo

Jovem de 20 anos morre afogado durante lua de mel, um dia após se casar

Allan Phelipe Alves Coelho morre afogado durante lua de mel - Reprodução/Redes sociais
Allan Phelipe Alves Coelho morre afogado durante lua de mel Imagem: Reprodução/Redes sociais

Eduardo Schiavoni

Colaboração para o UOL, em Ribeirão Preto (SP)

03/10/2019 14h10

Resumo da notícia

  • Allan Phelipe Alves Coelho morreu afogado durante a viagem de lua de mel em Itanhaém.
  • Gabriela Teixeira Cuba, casada com Allan, viu o marido ser levado pela correnteza.
  • Eles se casaram no último sábado e o incidente aconteceu na manhã de domingo, quando uma onda forte atingiu ambos.

A comemoração de um casamento recente terminou em tragédia em Itanhaém, litoral de São Paulo. Allan Phelipe Alves Coelho, 20, morreu afogado durante a viagem de lua de mel, no último domingo (29). A mulher de Allan, Gabriela Teixeira Cuba, 19, viu o momento em que o marido foi levado pela correnteza. O corpo do jovem foi localizado ontem, e o laudo do Instituto Médico Legal (IML) confirmou afogamento como causa da morte.

Allan e Gabriela haviam se casado no sábado e partiram em viagem para o litoral. Eles estavam na praia Balneário Jequitibá no domingo, por volta das 11h30, brincando no raso, quando uma onda forte acabou atingindo os dois. A corrente marítima os levou a uma região mais profunda.

Allan e Gabriela haviam se casado no sábado, um dia antes do acidente - Reprodução/Redes sociais
Allan e Gabriela haviam se casado no sábado, um dia antes do acidente
Imagem: Reprodução/Redes sociais
Segundo Luiz Garcês, tio de Gabriela, ela gritou por socorro e o dono de um quiosque, que presenciou a cena, correu até o local e conseguiu resgatá-la. "Uma onda forte levou ambos. Depois que ela foi retirada, o rapaz tentou voltar para salvar o Allan, mas ele já tinha desaparecido", conta Luiz.

O tio de Gabriela conta ainda que Allan não sabia nadar e não tinha muita experiência com o mar.

Tinha muito tempo que não ia. Eles foram comemorar uma data especial, mas acabou acontecendo essa fatalidade
Luiz Garcês, comenta morte de Allan

O Grupo de Bombeiros do Mar (GBMAR) foi acionado imediatamente e realizou buscas pela região, sem sucesso. "O bombeiro chegou rápido, mas também não conseguiu localizar o Allan", diz o tio de Gabriela.

Sem encontrar o marido, Gabriela procurou a polícia no dia seguinte e registrou o desaparecimento. O corpo de Allan foi encontrado na madrugada de ontem, na praia do Convento Velho, em Peruíbe, cidade vizinha. O enterro será na tarde de hoje.

Família abalada

Luiz conta que o fato chocou toda a família. "Estamos aqui no velório, vamos enterrar o Allan daqui a pouco e ninguém se conforma com o que aconteceu. Minha sobrinha não consegue nem falar, a família, que comemorou junta no sábado, hoje está chorando", lamenta.

Procurada, a Polícia Civil de Itanhaém informou que aguarda o laudo pericial ser enviado para a finalização do caso, que deve ser confirmado como morte acidental. A causa da morte que consta nesse documento, obtido pelo UOL, é asfixia e afogamento.

Mais Cotidiano