PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
8 meses
Chuva alaga ruas e invade casas no Rio; deslizamento de terra mata 1 pessoa

Do UOL, em São Paulo

01/03/2020 00h41Atualizada em 01/03/2020 15h46

A chuva que atingiu a cidade do Rio de Janeiro na noite de ontem e madrugada de hoje deixou a cidade em estágio de alerta e causou alagamentos, queda de árvores e estragos em alguns bairros. Um homem morreu em um deslizamento de terra e uma mulher morreu eletrocutada na rua. O Corpo de Bombeiros não confirma se a morte dela tem relação com as chuvas ou se foi ou acidente.

Nas redes sociais, moradores publicaram vídeos mostrando a força da chuva. Para este domingo, a previsão é de mais chuva.

De acordo com os bombeiros, a vítima do deslizamento estava em uma casa na rua Almirante Melquíades de Souza, bairro Tanque, na zona oeste da cidade. As equipes de socorro foram chamadas, mas o homem já estava sem vida quando elas chegaram.

No bairro Taquara, também na zona oeste, uma mulher de 75 anos morreu eletrocutada na rua. Os bombeiros foram acionados por volta das 6 horas, mas também já a encontraram morta.

Em Magé, na região metropolitana, uma casa desabou no início da manhã após um deslizamento de terrã, no bairro Lagoa. Os bombeiros conseguiram resgatar um homem e uma mulher dos escombros após cerca de duas horas de trabalho. Foram levados a um hospital, e o estado de saúde deles não foi divulgado.

Alagamentos

Ruas dos bairros Barra da Tijuca, Campo Grande, Santíssimo e Taquara, todos na zona oeste, ficaram alagadas até esta manhã. Uma das principais interdições foi na Avenida Brasil, na altura de Irajá. Em Campo Grande, a água da enxurrada invadiu casas. No início da tarde, as vias foram liberadas.

A Defesa Civil do Rio informou que foram acionadas 27 sirenes em 13 comunidades. Nesses casos, os moradores de áreas de risco são orientados a se deslocar para pontos de apoio assim que ouvirem os alertas sonoros.

Segundo o Centro de Operações, houve registro de mais de 60 mm de chuva em uma hora. Por volta das 22h, o município entrou em estágio de atenção e, à 0h20, em estágio de alerta. O estágio de alerta é o quarto nível em uma escala de cinco e significa que uma ou mais ocorrências graves impactam a cidade.

Internautas relatam estragos

Nas redes sociais, internautas publicaram fotos e vídeos dos estragos causados pela chuva no Rio. Veja a seguir alguns relatos:

Mais chuva hoje

De acordo com o Sistema Alerta Rio, o tempo permanecerá instável no Rio hoje. A previsão é de céu encoberto e chuva moderada a forte a qualquer momento.

Cotidiano