PUBLICIDADE
Topo

Segurança pública

Em ação com a PF, Paraguai prende homem acusado de traficar armas para o CV

PF e Paraguai prendem Pedro César Prieto, acusado de traficar armas para o Comando Vermelho - Divulgação/Senad
PF e Paraguai prendem Pedro César Prieto, acusado de traficar armas para o Comando Vermelho Imagem: Divulgação/Senad

Do UOL, em São Paulo

01/12/2020 16h15

Em ação conjunta com a PF (Polícia Federal), a Senad (Secretaria Nacional Antidrogas), órgão do Paraguai encarregado de combater o tráfico de drogas no país, prendeu Pedro César Prieto, acusado de traficar armas para a facção CV (Comando Vermelho).

De acordo com a Senad, Pedro é um elemento-chave para o fornecimento de armas de alto calibre para o Comando Vermelho, cujo centro de operações é no Rio de Janeiro, na tríplice fronteira (Argentina-Brasil-Paraguai) e fazia o uso de "mulas humanas" para realizar suas ações.

O homem, que trabalha como funcionário público, foi preso em frente à Prefeitura de Ciudad del Este, na fronteira com a cidade de Foz do Iguaçu, no interior do Paraná.

Segundo o órgão paraguaio, pesava contra Prieto um mandado de prisão internacional expedido no Rio de Janeiro; o funcionário público era procurado pela Interpol (Organização Internacional de Polícia Criminal).

"Sua captura representa um grande golpe para a logística de abastecimento de armas do Comando Vermelho", disse a Senad em nota.

Segurança pública