PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
3 meses

Ataque a tiros em praia de Salvador deixa três mortos e dois feridos

Segundo a Polícia Militar da Bahia, caso ocorreu por volta das 15h; Polícia Civil investiga autoria - PM da Bahia/Divulgação
Segundo a Polícia Militar da Bahia, caso ocorreu por volta das 15h; Polícia Civil investiga autoria Imagem: PM da Bahia/Divulgação

Juliana Almirante

Colaboração para o UOL, em Salvador

05/01/2021 19h17

Três pessoas morreram após serem baleadas na praia de Jaguaribe, na orla de Salvador, na tarde de hoje, segundo a Polícia Militar da Bahia. Outras duas pessoas também foram atingidas por tiros e seguem internadas. A autoria do crime será investigada pela Polícia Civil.

Segundo a PM, o caso ocorreu por volta das 15h. Testemunhas informaram aos policiais que quatro homens armados chegaram ao local para matar um rival. No entanto, algumas pessoas que estavam na praia teriam tentado intervir e os criminosos continuaram atirando. No total, cinco pessoas foram atingidas por tiros.

O alvo do ataque e uma outra vítima morreram no local. Quatro pessoas que ficaram feridas por tiros foram socorridas por equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Itapuã. Duas delas não resistiram aos ferimentos e morreram.

Uma das pessoas que ficaram feridas segue na UPA de Itapuã e a outra foi encaminhada para o Hospital Geral do Estado.

Os policiais militares isolaram a área e esperam o Serviço de Investigação em Local de Crime para realização de perícia e retirada dos corpos das vítimas.

Em nota obtida pelo UOL, SSP (Secretária de Segurança Pública) do Estado da Bahia "ressalta sua indignação com o crime bárbaro desta terça-feira (5) na praia de Jaguaribe e informa que determinou ao Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) prioridade na investigação dos homicídios ocorridos. Três pessoas morreram e duas estão feridas até as 19h10 de terça", e que "A SSP destaca ainda que informações iniciais apontam para uma relação com o tráfico de drogas. Acrescenta também que testemunhas já estão sendo ouvidas e imagens de câmeras da região serão analisadas", escreveu o órgão estadual.

Errata: o texto foi atualizado
Diferente do que foi publicado, três pessoas - e não quatro - morreram durante o ataque a tiros em praia de Salvador.

Cotidiano