PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Sem celular há meses, coletor de lixo acha aparelho mas devolve ao dono

Homem não havia percebido que deixou celular cair na rua e foi procurado por coletor de lixo que achou o aparelho - Reprodução/ Facebook
Homem não havia percebido que deixou celular cair na rua e foi procurado por coletor de lixo que achou o aparelho Imagem: Reprodução/ Facebook

Do UOL, em São Paulo

18/05/2021 19h45Atualizada em 18/05/2021 19h59

Coletor de lixo na cidade de Ponta Grossa, no Paraná, Rudiney de Lima Fagundes viralizou após encontrar um aparelho celular na rua e prontamente procurar o dono para devolvê-lo.

A história ganhou ainda mais repercussão depois que Fagundes contou à RPC, afiliada da TV Globo no estado, que está sem celular há alguns meses depois que precisou vender o próprio aparelho para pagar dívidas de remédios para a filha, que havia ficado doente.

Mesmo sem um celular, o homem de 28 anos decidiu devolver o telefone encontrado, afirmando que a atitude foi reflexo dos aprendizados que teve quando criança.

"Foi a educação que minha mãe me deu desde pequeno. Ela sempre falou que 'se você achar alguma coisa e você souber de quem é ou mesmo procurar de quem seja, era para devolver para o dono, porque a recompensa vem depois e o reconhecimento também'", lembrou ele em entrevista à edição de hoje do telejornal Meio-Dia Paraná.

"Eu vi o celular no chão, deduzi [que fosse do homem] que tivesse derrubado, ele tinha acabado de entrar [na casa]. Eu peguei, bati no portão, chamei ele e entreguei o celular", declarou.

Coletor de lixo - Reprodução/ TV Globo/ RPC - Reprodução/ TV Globo/ RPC
Rudiney achou celular caído na rua e devolveu para o dono momentos depois
Imagem: Reprodução/ TV Globo/ RPC

O episódio aconteceu na semana passada, mas só ganhou repercussão ontem, depois que a mulher do homem que perdeu o celular publicou um vídeo sobre a história no Facebook, com imagens de câmeras de segurança da rua.

Nelas, é possível ver dois homens descendo de um carro estacionado e andando em direção a entrada de uma casa, sem registrar o momento em que um deles deixa o celular cair na rua sem perceber.

Pouco depois, o caminhão da coleta de lixo passou pela rua e Rudiney viu o celular no chão, avisando seus colegas coletores e indo imediatamente atrás do homem que perdeu o aparelho, que nesse momento já havia passado pelo portão da casa.

Na publicação, a mulher do "sortudo", que não quis ser identificado, agradeceu o rapaz.

"Um exemplo de honestidade. Pessoas como essa nos fazem acreditar ainda no ser humano, gratidão", afirmou ela.

Apesar dos elogios, o coletor de lixo comentou que torce para que atitudes como a dele sejam cada vez mais normais.

"Espero que cada pessoa tenha sua consciência e honestidade em devolver. [...] Gratifica bastante a gente. A gente sente orgulho do que a gente é hoje. Então eu espero que um dia isso não precise virar notícia para o pessoal se inspirar, que isso saia de todo mundo", deseja.

Cotidiano