PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Conteúdo publicado há
1 mês

Geladeira é encontrada enterrada na areia da praia da Barra da Tijuca

Já não é a primeira vez que uma geladeira é encontrada enterrada na areia da praia - Divulgação/Seop
Já não é a primeira vez que uma geladeira é encontrada enterrada na areia da praia Imagem: Divulgação/Seop

Do UOL, em São Paulo

23/05/2022 13h05Atualizada em 23/05/2022 13h05

Uma geladeira foi encontrada enterrada ontem na areia da praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro. O eletrodoméstico estava vazio e já foi descartado, mas era utilizado como depósito irregular de gelo, bebidas e mercadorias, segundo a Seop (Secretaria de Ordem Pública). O depósito e a guarda de mercadoria nas areias das praias da cidade são proibidos.

Também foram apreendidos pela secretaria mais de 270 bebidas diversas em garrafas de vidro, que possuem venda proibida, na orla da Barra da Tijuca e do Recreio dos Bandeirantes.

O secretário de Ordem Pública, Brenno Carnevale, afirmou que as operações da Seop para retirada de materiais ilegais enterrados em areias acontecem todo fim de semana.

"Atuamos na repressão ao comércio de garrafas de vidro, combatemos a atuação de flanelinhas ilegais e também organizamos o comércio nas areias, inclusive com a retirada de materiais ilegais enterrados nas areias".

Coisas enterradas são recorrentes

Não é a primeira vez que itens enterrados de forma ilegal na areia são encontrados, de acordo com a Seop.

Em 31 de dezembro de 2021, um freezer com mais de 300 bebidas foi encontrado enterrado na areia da Praia de Copacabana. Em 22 de janeiro, uma outra geladeira foi desenterrada pela Seop também na praia da Barra da Tijuca.

Em 15 de março, a Seop desenterrou equipamentos esportivos dentro de um freezer e de uma caçamba da Comlurb (Companhia Municipal de Limpeza Urbana), na praia do Flamengo.

Cotidiano