PUBLICIDADE
Topo

Cotidiano

Homem mata ex-mulher a facadas, avisa amigo sobre crime e foge em MS

A estudante de direito Grazielly Karine Soares Alves de Lima, 28 - Reprodução/Facebook
A estudante de direito Grazielly Karine Soares Alves de Lima, 28 Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

22/06/2022 19h45Atualizada em 23/06/2022 09h13

Uma mulher foi morta a facadas pelo ex-marido em uma residência, na noite de ontem, no Bairro Popular Nova, em Corumbá (MS). A vítima é a estudante de direito Grazielly Karine Soares Alves de Lima, 28.

Segundo a polícia, o ex-marido, identificado apenas como Edmilson, telefonou para um amigo confessando o crime e fugiu do local. Ele ainda não foi localizado e não teve a identificação completa divulgada.

Segundo a Polícia Militar, uma equipe do 6º Batalhão foi acionada e, quando os policiais chegaram ao endereço, o Corpo de Bombeiros já estava presente. A vítima não apresentava sinais vitais.

Conforme indica o Boletim de Ocorrência, a jovem foi atingida seis vezes com um objeto perfuro-cortante.

A Polícia Civil informou que o caso foi registrado como feminicídio e foi instaurado um inquérito policial na DAM (Delegacia de Atendimento à Mulher) de Corumbá. Testemunhas estão sendo ouvidas e o delegado responsável pelo caso, Luca Venditto Basso, já despachou o indiciamento do suspeito.

foto - Reprodução/Facebook - Reprodução/Facebook
Morte de Grazielly foi registrada como feminicídio
Imagem: Reprodução/Facebook

As autoridades não souberam informar o motivo do encontro dos dois e tampouco quem morava na residência onde Grazielly foi encontrada morta.

Um exame perinecroscópico foi realizado no local e também foi solicitado exame necroscópico.

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a morte de Grazielly, pedindo justiça.

"O que fizeram com você? Não acredito, quero acordar deste pesadelo. Tiraram você de nós. Hoje o céu está em festa. Uma menina cheia de sonhos, uma vida toda pela frente. Estaremos sempre aqui por você e pelo seu filho", escreveu uma familiar.

A Faculdade Salesiana de Santa Teresa também prestou homenagem a Grazielly, afirmando que ela estaria cursando o sétimo semestre de direito.

"A Família Salesiana de Santa Teresa está em luto e presta total solidariedade à família da nossa ex acadêmica Grazielly Karine Soares Alves de Lima vítima de feminicídio nas primeiras horas da manhã de hoje", diz comunicado. "Sua ausência será sentida por todos nós."

O corpo de Grazielly foi velado no fim da tarde em Corumbá.

Cotidiano