Conteúdo publicado há 1 mês

Policiais são acusados de usar gás de pimenta em crianças no CE; PM apura

Moradores acusam policiais militares de usar gás de pimenta em três crianças durante uma abordagem no bairro Jardim das Oliveiras, em Fortaleza (CE), na última segunda-feira (15). A PM diz que apura o caso.

O que aconteceu

O gás atingiu um menino de sete anos com autismo, uma menina de dois anos e uma bebê de um mês. O garoto entrou em pânico e a bebê foi hospitalizada naquela noite. Além das crianças, três adultos foram atingidos pelo spray. As informações são de Aliciane Medeiros, advogada das vítimas.

A família estava sentada na rua conversando quando os policiais chegaram. Os moradores afirmam que os agentes abordaram as pessoas gritando e falando palavrões. Ao se aproximarem da casa, os PMs mandaram todos entrarem e utilizaram o gás de pimenta, segundo as vítimas.

Uma das vítimas registrou uma denúncia. Ela procurou a Corregedoria da PM no dia seguinte e fez uma denúncia contra os policiais que participaram da ação.

A Polícia Militar diz que tomou conhecimento da ocorrência e que apura o caso. Em nota, a PM acrescentou que "não compactua com condutas que desviem do padrão adotado pela corporação e faz cumprir rigorosamente as normas legais, sem deixar de respeitar, naturalmente, os princípios da inocência, contraditório e ampla defesa".

Deixe seu comentário

Só para assinantes