Conteúdo publicado há 27 dias

Psicóloga é encontrada morta e amarrada dentro de clínica no RN

Uma psicóloga foi encontrada morta com marcas de violência em sua clínica na noite de terça-feira (23), em Assú (RN). Um homem foi preso na tarde de quarta-feira (24), suspeito de ter cometido o crime.

O que aconteceu

O corpo de Fabiana Maia Veras estava com cortes, amordaçado e amarrado. Uma funcionária encontrou a mulher por volta das 18h em uma sala de atendimento do local, no bairro Dom Elizeu.

Vídeos da câmera de segurança mostram a psicóloga recebendo um homem às 16h45. Ele aparece na parte de fora do local com um pano na cabeça, máscara facial, de moletom e segurando uma maleta. Em seguida, toca a campainha e é atendido pela mulher.

Os dois conversam na garagem por alguns segundos e entram no estabelecimento. O homem ficou cerca de 15 minutos na clínica, informou a Polícia. A psicóloga já estava em horário final de expediente quando o recebeu.

Suspeito, de 41 anos, foi preso em flagrante no bairro Nova Descoberta, zona sul de Natal. O homem seria ex-companheiro da psicóloga, informou a Polícia Civil. A principal linha de investigação aponta para feminicídio.

Psicóloga é encontrada amarrada e amordaçada
Psicóloga é encontrada amarrada e amordaçada Imagem: Reprodução / Redes Sociais

Amigos lamentam a morte de Fabiana nas redes sociais. ''Nós psicólogos também corremos risco de vida, tiraram a vida da minha amiga, talvez seja um surto, talvez um confronto de opiniões, discordância na intervenção clínica'', contou uma amiga e colega de profissão.

Deixe seu comentário

Só para assinantes