PUBLICIDADE
Topo

Álvaro Dias (PSDB) é reeleito prefeito de Natal, mas chapa pode ser cassada

Álvaro Dias (PSDB) é reeleito prefeito de Natal  - Reprodução/Facebook
Álvaro Dias (PSDB) é reeleito prefeito de Natal Imagem: Reprodução/Facebook

Fabiana Maranhão

Colaboração para o UOL

15/11/2020 23h06

Álvaro Dias (PSDB) foi reeleito prefeito de Natal. A vice eleita foi Aila Cortez (PDT). O prefeito se elegeu com o apoio de uma ampla coligação, que incluiu ainda MDB, Avante, PL, Republicanos, Rede, Democratas e PSD. Álvaro Dias liderou as pesquisas de intenção de voto durante todo o período de campanha eleitoral.

O tucano obteve 56,58% dos votos. Senador Jean (PT) e Delegado Leocádio (PSL), ficaram em segundo e terceiro, respectivamente com 14,38% e 10,22% dos votos, segundo o TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Álvaro Dias, 61, é médico. Iniciou sua carreira política em 1990, quando foi eleito deputado estadual, cargo que ocupou por cinco mandatos. Em 2002, foi eleito deputado federal. Em 2016, foi eleito vice-prefeito de Natal. Em 2018, assumiu o comando da prefeitura depois que o então prefeito, Carlos Eduardo (PDT), deixou o cargo para disputar o governo do Rio Grande do Norte.

Durante a campanha eleitoral, Álvaro Dias foi convocado pela Justiça Eleitoral a dar esclarecimentos sobre a prestação de serviços da empresa Base Propaganda, contratada pela prefeitura de Natal para prestar serviços de propaganda e comunicação.

O prefeito é alvo de uma ação movida pelo candidato Senador Jean (PT). Ele acusa Álvaro Dias de crime eleitoral pelo suposto uso de serviços da empresa em sua campanha à reeleição. Segundo a denúncia, há semelhanças visuais entre a comunicação digital realizada pela prefeitura de Natal e a utilizada nos programas eleitorais do prefeito candidato à reeleição.

Mesmo após a eleição, a candidatura de Álvaro Dias pode ser cassada se for comprovado uso indevido da máquina pública.

Embora curto, o seu governo teve uma alta taxa de aprovação, segundo os institutos de pesquisa. Durante o mandato de Álvaro Dias, a prefeitura financiou shows de grandes artistas. Mais recentemente, durante a pandemia do novo coronavírus, o prefeito se posicionou contrário a medidas rigorosas de isolamento social e defendeu o uso de remédios como cloroquina e ivermectina como forma de prevenir a covid-19.

Natal tem 890.480 habitantes, segundo estimativa do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). A taxa de analfabetismo de pessoas com 15 anos ou mais era de 8,3% em 2019, de acordo com a Pnad (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios) Contínua Educação do IBGE. Essa taxa é maior que a média nacional (6,6%).

Natal está entre as dez capitais brasileiras com as maiores taxas de mortes violentas intencionais. Na capital potiguar, a taxa de mortes violentas intencionais foi de 31,6 por 100 mil habitantes em 2019, segundo dados da mais recente edição do Anuário Brasileiro de Segurança Pública.